Como Escolher o Destino da Lua de Mel

Como Escolher o Destino da Lua de Mel

Uma das melhores partes do casamento, para além do significado que representa a cerimônia, o compromisso para a vida, a presença dos familiares e amigos, é a viagem de lua-de mel. Depois de tanta correria, do cansaço e do stress da preparação do casamento, chegou o momento de gozar, finalmente, a presença do outro.

Quinze dias num sítio paradisíaco, num safari, a escalar montanhas, visitar templos e museus, numa viagem de barco, as hipóteses são variadíssimas. Os problemas começam, muitas vezes, quando os noivos querem coisas diferentes, e nenhum quer ceder. Uns sonham com uma lua-de-mel numa praia deserta, tipo Caraíbas, enquanto outros preferem destinos históricos e culturais. Qual dos dois deve ceder? Embora seja um simples problema, vamos dar algumas boas dicas:

– É fundamental que cada um exponha a sua vontade. Perante isso, se as opções forem muito diferentes, procurem encontrar o que existe de semelhante. Por exemplo: se a sua vontade é ir ao Canadá e o seu marido prefere fazer um rafting no Nepal, porque não fazer rafting no Canadá?

– O essencial no casal, aplicável desde do momento em que decidiram viver juntos, é a tolerância e flexibilidade. Mais importante do que satisfazer a vontade de cada um, é que ambos desfrutem a viagem e gozem em pleno este momento único. Se quer começar bem esta longa viagem que é a vida a dois, procure um itinerário que satisfaça a vontade de um e de outro e, se tiver que ceder, faça-o com boa cara.

– Não se esqueçam que viajar é sempre um prazer, sobretudo depois de um período de grande cansaço e atribulação. Se querem ter de uma viagem maravilhosa, é importante que ambos façam coisas que lhes dão prazer, pois em quinze dias é provável que haja tempo para tudo.

– Alguns noivos têm a ideia errada de que a viagem de lua-de-mel implica estar vinte e quatro horas juntos e fazer tudo o que o outro faz. Se apenas um dos noivos gosta de fazer mergulho, se houver oportunidade, porque não aproveitar para fazer um ou dois mergulhos? O outro pode aproveitar esses momentos para fazer coisas que lhe são prazerosas.

E agora casal, vá viajar e aproveitar ao máximo sua lua de mel…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.