Você está a um passo da sua entrada triunfal no altar. Agora, tem apenas duas alternativas:

– Achar que não vai dar tempo para resolver todas as pendências e ficar mais afobada do que nunca.
– Aproveitar cada minutinho extra para relaxar, preparando-se para desfrutar a sua festa.

Não há dúvidas, você merece a segunda opção! Pode parecer uma missão impossível, mas não é. Mais tranquila, você vai ser uma noiva absolutamente divina.

Às vezes, você fica tão nervosa querendo que esteja tudo absolutamente perfeito, que se esquece o porquê de estar nessa correria. Tenha em mente que a sua festa é para celebrar uma união de amor. Os seus convidados estão lá para confraternizar com você. Estão “com” e não “contra” você.


Não tenha dúvida, cada convidado quer curtir o seu casamento e irá olhá-la como a noiva mais linda do mundo. A festa é sua. Por mais que tenha um roteiro a seguir ou um mestre-de-cerimônias organizando a recepção, não existe pessoa mais importante neste dia do que a noiva.

Por isso, gaste o tempo que achar necessário abraçando a sua melhor amiga, dançando com o seu marido e aproveite cada segundo. Lembre-se de que depois dessa recepção, começa uma nova vida. Entre feliz nessa etapa e abrace com força e vontade tudo o que acontecer daqui para a frente. Parabéns!

Escreva tudo o que você deve resolver até a data do casamento. Se você coloca no papel, tem a exata dimensão do que precisa ser feito. É comum a gente exagerar, achando que tem mais obrigações do que daria conta. E essa é uma porta aberta para o stress se instalar.

Passe a lista a limpo, mantendo no topo os afazeres mais importantes e indispensáveis. Finalize-a com o que é possível deixar para depois do casamento. Aceite, tem coisas que não dá para fazer agora, principalmente as que não estão relacionadas com a festa. Visitar aquela amiga que você não vê faz séculos deve ficar para depois. Corte o que não for absolutamente indispensável.

Com a lista de prioridades na mão, você se torna dona da situação porque tem condições de decidir como e quando realizar as últimas tarefas. Veja o que você mesma vai fazer e não se intimide: delegue na medida do possível. Receber um pedido de ajuda não atrapalha ninguém, pelo contrário, a pessoa que é solicitada se sente incluída, participante. Você fica aliviada e sua amiga mais feliz…

E, tenha um belo casamento…