A mãe da noiva tem uma responsabilidade enorme na sua formação moral, intelectual e psicológica. Toda uma bagagem de conhecimento que ela adquiriu durante a sua vida, tenta transmitir para a sua filha e, como não poderia deixar de ser, ensina como se comportar em sociedade, como se vestir em determinadas ocasiões, a se maquiar, a produzir uma imagem bonita de se apreciar, enfim, uma série de coisas que irão dar à sua filha, maior ou menor condições de enfrentar a vida de frente, com coragem e com sua auto-estima bem trabalhada.

Da mesma forma, ela deve também se preocupar com a sua aparência e elegância no dia do casamento da filha. A escolha certa do vestido da ocasião, os complementos como sapatos, jóias, carteira, devem ser ao mesmo tempo discretos, chics, mas muito elegantes. Afinal é ela quem deve passar uma imagem do que a filha virá a ser no futuro. Quem já não ouviu: “Olhe para a mãe e você vai ver como a moça será no futuro”?


Essa responsabilidade existe e não tem como fugir dela. É muito estranho, assistirmos a certas cerimônias de casamento no religioso, quando a mãe da noiva está totalmente apagada e escondida como se não tivesse nada a ver com a noiva. Isso não condiz com o momento de um grande acontecimento na vida de toda a família da noiva.

Portanto, atenção a mãe da noiva. Esta mãe vai demonstrar uma imagem de alegria, elegância e bom gosto. Não esqueça que a maquiagem também deve ser leve, delicada e nada chamativa, ao contrário do vestuário. Normalmente as mulheres mais velhas quando se maquiam em excesso, ficam com as feições pesadas e com ar de cansadas de guerra ( para não usar uma expressão mais pesada).

Nada disso, ouviram?

A mãe da noiva merece uma atenção toda especial no dia do casamento de sua tão amada filha, portanto, capriche…